1.png

De forma a desenvolver as actividades a que nos propusemos como Fundação para o apoio de crianças com patologias neurológicas crónicas, e para a angariação fundos, estamos a trabalhar neste momento para a realização dos seguintes projectos dos quais necessitamos de apoio:

 

  • Criação de um projecto que permita a Fundação ter uma fonte de receitas permanente para suportar custos operacionais e cuja rentabilidade permita à Fundação dar mais assistência às crianças e às suas famílias. Todas as contratações de funcionários serão preferencialmente por familiares de crianças especiais a fim de ajudar na renda de casa.

  • Construção da “CASA DA FUNDAÇÃO” – A construção da casa da Fundação irá ser um centro de dia que vai permitir o atendimento centralizado de crianças e familiares que necessitem de apoio médico e enfermagem, fisioterapia direccionada para cada patologia, atendimento a família, angariação de donativos e sua distribuição. 

 

  • Fundação Ana Carolina ajudada pelo #3GdoSemba, evento online em Julho de 2020 que contou com a participação dos artistas Paulo Flores Yuri da Cunha e Bonga, iniciou o “Projecto SEMBA” uma iniciativa de combate à pobreza.


Porque acreditamos que a entrega de cestas básicas não deve ser só o caminho para a ajuda, mas sim a capacitação e entrega de dignidade a famílias mais carentes, especialmente com crianças com necessidades especiais.

O projecto SEMBA tem dois objectivos:

#KitAnti-Pobreza. Entrega de alimentação e bens de primeira necessidade a comunidades e instituições mais carenciadas. (cadeiras de rodas, colchões/camas, roupas, material escolar, etc) com as doações recebidas de programas específicos;

#SembaCapacita - Apoiar projectos, dentro das comunidades sustentáveis e com impacto. O objectivo é aplicar os fundos angariados para tornar as comunidades auto-suficientes.

NOTA: Devido a pandemia, estamos a tomar todas as precauções possíveis com as nossas actividades curtas e com menor número de pessoas envolvidas.

Como as aves, as crianças são diferentes em seus voos, mas iguais no direito de voar!